Após confirmação de raiva bovina, Carandaí realiza ação de combate à doença

A Secretaria de Agricultura e Pecuária de Carandaí em parceria com o Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA) iniciou nesta quinta feira (11/11), os trabalhos de combate à raiva no município, onde as equipes realizaram a  captura de morcegos hematófagos em locais detectados como focos de raiva. 

Morcegos transmissores da doença foram capturados
Morcegos transmissores da doença foram capturados

Esse trabalho era feito somente por um técnico do IMA, e a partir de agora terá a parceria de uma equipe da Secretaria de Agricultura, visando uma maior agilidade no mapeamento e na captura de morcegos hematófagos, buscando a eliminação definitiva de raiva no município.

No dia 3 de novembro foi confirmado um caso de raiva animal em um boi no município. Segundo informações de Célio Manulli, secretário de Agricultura de Carandaí, o caso foi identificado em um rebanho de um proprietário rural da cidade. Ele informou que, de imediato, foram realizadas ações conjuntas entre a Prefeitura e os órgãos adjacentes para evitar o surgimento de novos casos.

Os morcegos hematófagos são portadores, reservatórios e transmissores do vírus da raiva
Os morcegos hematófagos são portadores, reservatórios e transmissores do vírus da raiva

O que fazer ao suspeitar de raiva em animais de produção?

O produtor rural, ao suspeitar de sinais clínicos nos animais de produção – bovinos, bubalinos, equídeos, caprinos e ovinos – como andar cambaleante, deve imediatamente notificar o IMA. Os fiscais agropecuários comparecem na propriedade para investigar e coletar material para diagnóstico. Além desse trabalho de investigação epidemiológica, os servidores fazem o controle populacional do morcego hematófago, principal transmissor da doença, além de ações de educação sanitária que conscientizam a população rural em relação a esta grave enfermidade.

A Secretaria Municipal de Agricultura e Pecuária alerta aos produtores que a melhor forma de prevenir o rebanho contra a raiva é a vacinação.  Em casos positivos para a raiva dos herbívoros, o IMA realiza a notificação aos órgãos responsáveis, bem como esclarece às pessoas que tiveram contato com o animal doente para procurar atendimento médico e informar sobre o contato com animal positivo.Download Premium WordPress Themes FreeFree Download WordPress ThemesDownload WordPress Themes FreeDownload Best WordPress Themes Free Downloaddownload udemy paid course for freedownload coolpad firmwareDownload WordPress Themesdownload udemy paid course for free

Comentários

PortalLafaiete.com.br Política de Comentários

Use e abuse do espaço, mas lembre-se de todas as regras antes de participar!

Por favor leia nossa política de comentários antes de comentar.

Participe da discussão...